sexta-feira, 10 de novembro de 2017

Rodela de madeira - Porto

A cor é a música dos olhos.”
( Johan Wolfgang Von Goethe)

Este presépio foi elaborado numa pequena rodela de madeira por uma artesã do Porto.

Aqui fica a foto:




terça-feira, 7 de novembro de 2017

Arte Gira - Castelo Branco

"Uma obra de arte é o resultado excepcional de um temperamento excepcional." 
(Óscar Wilde)

O medalhão é das peças mais antigas de jóias em todo o mundo! Ele carrega não só a beleza, como também mantém uma história de gerações!

O medalhão chegou até nós da Roma antiga, onde ele era uma recompensa originalmente para os generais-vencedores! Era semelhante a uma grande moeda de ouro, com um disco ornamentado.
Entre os sacerdotes o medalhão foi divulgado como um amuleto especial para rituais. Poderia ter alguns desenhos de símbolos mágicos ou imagens de deuses! Medalhões modernos ficam em uma corrente ou um cordão e tem decoração com pedras preciosas ou desenhos. Alguns modelos podem ser abertos para colocar um pequeno retrato ou relíquia.

No antigo Egipto, todos amavam o medalhão! Cleópatra frequentemente dava de presente aos seus servos um pingente com uma esmeralda e o seu retrato.

O pico da popularidade desse pingente incomum foi no século XVIII-XIX – o tempo da era vitoriana. As pessoas começaram a usar o colar medalhão como um “baú” para uma memória das vítimas de guerra, parentes e entes queridos!

A Rainha Elizabeth I da Inglaterra usava seu anel medalhão diariamente; ele continha um retrato pintado de sua mãe, Ana Bolena e dela.

Este medalhão tem a imagem de um presépio.



sábado, 28 de outubro de 2017

crochet lovers by Laroca

Todas as artes são como espelhos nos quais o homem conhece e reconhece algo de si que ignorava.”
(Émile-Auguste Chartier)

A palavra  crochet foi originada de um termo existente no dialecto nórdico, com o significado de gancho (que é a forma do bico encurvado da agulha utilizada para puxar os pontos), que também originou croc, que em francês tem o mesmo significado.
Ninguém tem a certeza de quando ou onde o crochet começou!
Pouco se sabe sobre as origens do crochet. Há algumas teorias de que os primeiros trabalhos eram feitos com os dedos, em vez de usar agulhas!

 As três teorias principais dizem que a técnica ter-se-ia originado:
- Na Arábia e se espalhado para o Tibete e mais tarde para a Espanha;
- Na América do Sul, onde uma tribo primitiva teria usado adornos de crochet em rituais de passagem para a vida adulta;
-Ou na China, onde foram encontradas bonecas feitas de crochet.

As primeiras evidências do uso extensivo da técnica surgiram na Europa, durante o século XIX.
A primeira referência escrita apareceu no livro “The Memoirs of a Highland Lady” deElizabeth Grant (1812), e as primeiras receitas de pontos foram publicadas em uma revista holandesa em 1824.

Resta-me apresentar-vos os dois presépios:







quinta-feira, 5 de outubro de 2017

Luís Santos - V.N. Gaia

A arte é a contemplação; é o prazer do espírito que penetra a natureza e descobre que a natureza também tem alma.” 
(Auguste Rodin)

Estudiosos confirmam que a cerâmica é a mais antiga das indústrias! Ela nasceu no momento em que o homem começou a utilizar o barro endurecido pelo fogo! Desse processo de endurecimento, obtido casualmente, multiplicou-se. A cerâmica passou a substituir a pedra trabalhada e a madeira.

A Bíblia afirma no Livro de Génesis que Deus formou o homem do pó da terra.

Liderados pelo professor de engenharia biológica e ambiental Dan Luo, o estudo indica que alguns tipos de argilas facilitaram a formação de moléculas orgânicas que tornam possível a vida no planeta. Essa argila contém uma série de minerais, como alumínio, silício e oxigénio, e sua composição forma uma substância chamada “hidrogel".
Trata-se de um polímero que forma um conjunto de espaços microscópicos capazes de absorver líquidos, tais como uma esponja, em que são produzidas as reacções químicas para a síntese de proteínas, DNA e as células vivas.

As primeiras cerâmicas que se tem notícia são da Pré-História: vasos de barro, sem asa, que tinham cor de argila natural ou eram enegrecidas por óxidos de ferro.

A partir do século XVIII, introduziu-se a moda dos presépios, surgiu a multidão de bonecos de barro, imagens de Cristo, da Virgem, abades, de santos e de anjos.
E a cerâmica foi proliferando e o número de artesãos aumentando, até aos nossos dias!

Falta apenas partilhar a foto deste bonito presépio.


quarta-feira, 4 de outubro de 2017

Cruz e estrela com presépios

"Não existe meio mais seguro para fugir do mundo do que a arte, e não há forma mais segura de se unir a ele do que a arte." 
( Johann Goethe)

O nome Marfinite surgiu quando os imigrantes passaram a produzir bolas de bilhar de plástico, com peso e medidas oficiais e que substituíram as caras bolas importadas de marfim!

As imagens religiosas são na sua grande maioria feitas em marfinite, usando moldes de gesso e borracha, sendo todo o acabamento feito à mão, o que torna cada peça única.

Apresento-vos estes pequenos presépios feitos em pó de marfim!





Priscila Almeida - Porto

     "Apreender é a única coisa que a mente nunca se cansa, nunca tem medo e nunca se arrepende. "(Leonardo da Vinci)

Polimer clays são massas feitas à base de compostos plásticos (polímeros).
Este presépio é neste material. 




quinta-feira, 28 de setembro de 2017

Artesanato da Clarinha - Castelo Branco

"Nenhum elemento tem, por si, peso ou leveza. O movimento origina-se do facto de que o que é mais fino, não pode resistir ao mais denso."
 (Leonardo da Vinci)

É possível que o nome da cidade - Castelo Branco - tenha a sua origem numa confusão entre duas cidades - Pyrgileucos e Cattaleucos – que segundo Ptolomeu, foi fundada por colonos cartagineses em 504 a.C.
Castelo Branco terá tido a sua origem no local de um castro pré-romano. No início do séc. XII existia uma povoação no cimo da Colina da Cardosa, em cuja encosta se desenrolou o povoamento da vila.
É sede do terceiro maior município português!
Foi considerada em 2006, num estudo elaborado pela DECO, a segunda capital de distrito do país com melhor qualidade de vida.

Foi nesta bonita cidade que este íman foi elaborado. É em barro e está bem engraçado!