domingo, 11 de outubro de 2015

Presépios abonecados



Natal
Devia ser neve humana
A que caia no mundo
Nessa noite de amargura
Que se foi fazendo doce...
Um frio que nos pedia
Calor irmão, nem que fosse
De bichos de estrebaria.
(Miguel Torga)
   

Sem comentários:

Enviar um comentário