domingo, 11 de outubro de 2015

Z.F.



" És agora o outro nome da terra,
ou simplesmente da eternidade.
"

(Eugénio de Andrade, in " O outro nome da terra ")


Presépio esculpido com x-acto.  

Sem comentários:

Enviar um comentário